Notícia | Pesquisador da Unicamp sugere Yoga para pessoas com esclerose múltipla

Pesquisador da Unicamp sugere Yoga para pessoas com esclerose múltiplaEm tese de doutorado, o pesquisador e também professor de yoga, Gerson Oliveira apresenta a prática como um caminho de integração na abordagem de pessoas com esclerose múltipla, associando o conhecimento do yoga a sua aplicação terapêutica.

O trabalho envolveu, por um lado, uma abordagem teórica sobre o yoga, a partir das tradições e conceitos, mostrando sua origem e desenvolvimento no Ocidente, em especial no Brasil, considerando pesquisas científicas relacionadas ao tema em dissertações e teses realizadas em instituições brasileiras. E por outro, adotou uma visão sistemática sobre a prática de yoga relacionada à esclerose múltipla através de sua experiência levando em conta as observações das pessoas avaliadas.

A pesquisa também abarcou a importância de procurar entender as dificuldades e a realidade diária pelas quais estas pessoas passam. Para tanto, o pesquisador quis saber como essas pessoas convivem física e psicologicamente com as situações oriundas da esclerose múltipla tanto em família como em sociedade para descobrir como elas enxergam e enfrentam os problemas em que se deparam diariamente.

Em sua tese, Gerson registra minuciosamente os procedimentos que utilizou ao aplicar o yoga para o tratamento de esclerose múltipla; menciona ainda cuidados com o ambiente físico; relata aspectos da doença que devem ser considerados e cita características mais apropriadas do yoga para tal público.

A partir do estudo realizado, o pesquisador evidenciou que a prática do yoga é viável e favorável para pessoas com esclerose múltipla e estima que esse trabalho possa estimular e auxiliar profissionais que atendem esse público de modo que possam contribuir de maneira mais efetiva para sua melhora física e mental e para uma maior integração na sociedade.

Considerando as limitações e escassez de abordagens e dúvidas sobre o tema e todas as dificuldades e incertezas envolvidas em estudos desse gênero, o autor escolheu o pensamento de Mahatma Gandhi para o frontispício da sua publicação: “Você não sabe quais resultados virão da sua ação, mas se você não fizer nada não existirão resultados”.

Que tenhamos essa frase em mente e que possamos em cada momento realizar cada vez mais em prol de nosso benefício e do benefício alheio. Levando a sério nossas práticas, tendo em mente e sentindo que não apenas realizamos uma atividade, em verdade, nós nos tornamos ela. Mesmo com dificuldades, dedique-se, nada é impossível.

fonte: Jornal da Unicamp

Om
Por Cláudia Bruscato
Engenheira Ambiental e colaboradora do Yoga em Casa

Está no Rio de Janeiro? Confira o programa de prática desenvolvido pelo Gilberto clicando na imagem abaixo
aula-ioga-particular-rio-de-janeiro

 

5 Respostas para “Notícia | Pesquisador da Unicamp sugere Yoga para pessoas com esclerose múltipla

  1. Pingback: Pesquisador da Unicamp sugere yoga para pessoas com esclerose múltipla – Zen Com a Gente!·

  2. Bom dia! Fui diagnosticada com esclerose múltipla há um ano. Na ocasião iniciei a prática diaria de yoga seriamente ( kaiut yoga Curitiba) com objetivo de aumentar minha vitalidade e foco no meu sistema nervoso. Faço também uso do aplicativo lumosity para aguçar a minha cognição.
    Os meus resultados são concretos e surpreendentes!

Deixe uma resposta para yogaemcasa.net Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.