Notícia | Aulas de yoga em penitenciária na cidade de Patrocínio

detentas-participam-de-aulas-de-yoga-em-presidio-na-cidade-de-patrocinioO pátio do banho de sol da Penitenciária Deputado Expedito de Faria Tavares, em Patrocínio, Alto Paranaíba, vira espaço de yoga duas vezes por semana. São as aulas da professora voluntária Márcia Akiko Tsuru, que procura levar para as detentas um momento de contato com o corpo, a mente e o espírito.

O Projeto Yoga e Vida é uma ação complementar às atividades escolares e de ressocialização da unidade prisional.“O pátio é transformado em um espaço para se cuidar da saúde, transformar hábitos e atitudes de vida. Notamos uma melhoria nos níveis de saúde pessoal e coletiva”, relata a pedagoga do presídio, Juliana Alves Silva.

A aula é oferecida duas vezes por semana, das 15h30 às 17h, para cerca de 20 presas. Há rotatividade no grupo, devido às progressões de pena ou transferências, mas a professora espera que os ensinamentos proporcionados nas aulas marquem para sempre a vida de todas as alunas. No mês de maio, a direção da unidade celebrará  seis anos de aulas para as detentas.

Loyane Pereira dos Santos, 24 anos, participa das aulas há nove meses. Ela é viúva e tem uma filha de 2 anos. “Sou muito ansiosa, mas aprendi a controlar meu corpo e cérebro com os exercícios de respiração e alongamento, principalmente para o pescoço, braços e pernas.” Ela relata ter conhecido a yoga na unidade prisional e que passou a ter noites de sono mais tranquilas, após incorporar no dia a dia os exercícios. “Tranquilidade é a melhor palavra para definir tudo o que a yoga representa para mim, lembrarei por toda a vida da dedicação e profissionalismo da professora Márcia”, revela.

“Durante as aulas chego a esquecer que estou presa. Em apenas cinco meses consegui diminuir os remédios para dores musculares” conta entusiasmada a detenta Gislaine de Sousa, 46 anos. De acordo com a professora Márcia Tsuru as presas mais velhas costumam ser mais dedicadas. “Porém exijo comprometimento de todas elas. Sou flexível e consigo perceber as necessidades de cada uma”, explica.

No final de 2014 as alunas entoaram mantras. Mantra é uma palavra em sânscrito que significa controle da mente, um tipo de oração ou cântico, que é repetido de forma a auxiliar a concentração durante a meditação. “Foi o melhor presente que eu poderia receber”, relata entusiasmada a professora.

“Acredito nos benefícios trazidos pela prática da yoga e espero que a divulgação do Projeto Yoga e Vida possa servir de inspiração para outras unidades”, almeja a pedagoga Juliana.

Fonte: Agência Minas

Anúncios

Uma resposta para “Notícia | Aulas de yoga em penitenciária na cidade de Patrocínio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s